Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Defensoria Pública abre inscrições para Casamento Igualitário LGBTI na Capital


Por Ascom em 24 de junho de 2019

Interessados podem se inscrever até 26 de julho. Estão aptos a participar casais residentes em BH em que qualquer um dos cônjuges seja LGBTI

Estão abertas desde esta segunda-feira (24/6) as inscrições para o Casamento Igualitário LGBTI em Belo Horizonte. Os casais interessados em oficializar a união têm até o dia 26 de julho para procurar a Defensoria Pública de Minas Gerais – Rua dos Guajajaras 1.707, Barro Preto -, das 10 às 16 horas, portando RG, CPF, comprovantes de renda e residência. 

Demais documentos serão fornecidos gratuitamente, por meio de requerimento da DPMG. A realização é exclusiva para casais residentes em Belo Horizonte, em que qualquer um dos cônjuges seja LGBTI. A cerimônia oficial acontece em setembro para 60 casais.

O Casamento Igualitário LGBTI é realizado pela Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG), por meio da Defensoria de Direitos Humanos, Coletivos e Socioambientais (DPDH), em parceria com os cartórios de Registro Civil de Belo Horizonte. Esta é a terceira edição do casamento LGBTI na Capital.

“O casamento é a base da sociedade. Daí a importância de que as pessoas saibam que o público LGBTI forma uma família como outra qualquer. Até 2011 o casamento homoafetivo não era permitido no Brasil, portanto, sua realização é a afirmação destes direitos, assegurando a inclusão, a igualdade e o respeito às diferenças”, diz o defensor público Vladimir de Souza Rodrigues, em atuação na DPDH.

Mais informações no site www.defensoria.mg.def.br ou pelos telefones (31) 3526-0405 ou 3526-0406.

Saiu na mídia:

Bom Dia Minas



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >