Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Defensoria de Minas Gerais participa de inauguração da primeira Apac juvenil do mundo em Frutal


Por Ascom em 9 de outubro de 2019

A Defensoria Pública de Minas Gerais foi representada pelos defensores públicos Reinaldo Ferreira de Queiroz e Antônio César Camargo Jardim na solenidade de inauguração de unidade da Apac dedicada ao público juvenil. O evento aconteceu na comarca de Frutal, no dia 4 de outubro.

Presidente do TJMG, desembargador Nelson Missias; juiz diretor do foro da comarca de Frutal, Gustavo Moreira; e os defensores públicos Reinaldo Ferreira e Antônio César

Na unidade, batizada de Apac Juvenil Centro Educacional Doutor Mário Ottoboni, será desenvolvido o projeto piloto de aplicação da metodologia apaquiana junto a menores em conflito com a lei. A experiência é inédita e a unidade é a primeira do gênero no mundo.

A construção foi custeada pelo Poder Judiciário local com verbas de prestações pecuniárias. Iniciada em janeiro de 2019, a obra foi concluída em nove meses. Trabalharam na construção os recuperandos da Apac masculina da comarca, que tem também uma unidade dedicada ao público feminino.

Presente na cerimônia, o presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), desembargador Nelson Missias de Morais, destacou que o Judiciário mineiro apoiou a criação de centenas de vagas nas Apacs em Minas Gerais e tem sensibilizado autoridades de todo o país a investir no modelo.

Diversas autoridades participaram da solenidade.

Apac

A Apac é uma entidade sem fins lucrativos, criada a partir da experiência do advogado Mário Ottoboni, que desenvolveu uma metodologia de humanização do cumprimento de pena para presos da cadeia de São José dos Campos (SP), em 1972.

O método Apac apresenta-se como uma forma alternativa ao modelo prisional tradicional e busca a valorização do ser humano, oferecendo ao condenado condições de se recuperar e se reintegrar à sociedade.

A Apac Juvenil entrará em funcionamento em janeiro de 2020.

Fonte: Ascom/DPMG, com informações do TJMG (09/10/2019)



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >